Brasília

-

Hoje

33ºC

20ºC

Amanhã

34ºC

19ºC

IBOVESPA | -1,81% (98.289,71 pontos)

Refrigerantes do Triângulo investem em brinquedoteca do Hospital do Câncer de Uberlândia

Localizada no Oeste de Minas Gerais, empresa também auxilia projetos de esporte e cultura

Por Portal de Bebidas Brasileiras| 16/09/2019

Tamanho da Fonte

A- A+

Tudo começou com pequenas ajudas para moradores e instituições de Uberlândia, a cerca de 530 quilômetros de Belo Horizonte. No início dos anos 2000, os pedidos da comunidade começaram a crescer e a empresa mineira não conseguiu atender toda a demanda, o que levou os irmãos Luiz e José Massaro e os colaboradores da indústria Refrigerantes do Triângulo a escolherem um projeto duradouro para receber investimentos e buscar um resultado maior para aumentar a função social da empresa.

O primeiro projeto foi a construção da brinquedoteca Brincar é Viver, de 120 metros quadrados e que está na área de pediatria do Hospital do Câncer de Uberlândia. Segundo os representantes da indústria, o local tem uma biblioteca, brinquedos, jogos de videogame, tabuleiro e tablets. Para eles, a infraestrutura disponibiliza o necessário para deixar as crianças em tratamento com o maior conforto possível.

Toda a manutenção e coordenação de atividades, como a contratação de profissional da área de pedagogia, são mantidas com investimentos mensais da Refrigerantes do Triângulo.

A indústria também presta apoio a outros pequenos projetos. Um deles é o Instituto Ipê Cultural, que se propõe a expandir ações de sustentabilidade para toda sociedade. Boa parte do que se perde no processo de produção na sede da empresa, como paletes e garrafas pet, é repassado ao instituto, que utiliza os insumos para a criação de móveis e artesanatos. A Fundação Pró-Luz, que auxilia e acompanha pessoas com deficiência visual e suas famílias, também recebe doações da empresa.

Linha de produção da indústria mineira – Foto: Acervo da Refrigerantes do Triângulo

Esporte e cultura

Os representantes da empresa também entendem a necessidade da atuação nas áreas de esporte e cultura. “Desde 2015, começamos a apoiar alguns projetos nessas áreas. Pegamos recursos proporcionais a 3% do ICMS recolhido em Minas Gerais e fazemos uma seleção”, disse Ribeiro.

Com respaldo da Lei de Incentivo à Cultura, a Refrigerantes do Triângulo apoia alguns eventos musicais, como o Festival Minas Music. O evento, que abrange Minas Gerais, é realizado para reconhecer e promover talentos musicais do estado. Outro grande projeto cultural apoiado é o Festival Mineiro Beat, realizado em duas edições, nos anos de 2016 e 2018.

No ano passado, a empresa começou com o apoio ao esporte. Segundo a diretoria, o ponto de partida foi o investimento em ligas e times de basquete e vôlei da região. Um desses projetos é a Academia do Vôlei, que busca trazer crianças de diferentes bairros de Uberlândia para praticarem o esporte. São feitas seletivas visando à busca dos melhores alunos para treinarem na academia. Em outubro e novembro, haverá nova seleção para os projetos de 2020 e 2021. A ideia dos representantes é expandir os investimentos para Goiás.

Vista aérea da fábrica de Uberlândia – Foto: Acervo da Refrigerantes do Triângulo

Expansão para o Centro-Oeste

A Refrigerantes do Triângulo, empresa da família italiana Massaro, iniciou suas atividades em 12 agosto de 1965 e atua no Distrito Federal e nos estados de Minas Gerais e Goiás, com 51 produtos, como o Guaraná Mineiro, o refrigerante Grapette, de sabor uva, o Zap Cola e a Água Mineiro Cristal. A sua única fábrica está em Uberlândia. Além disso, conta com centros de distribuição em Goiânia e Brasília.

A produção exclusiva em Uberlândia, segundo os diretores, é um quesito que não está sendo vantajoso e, para corrigir esses problemas, está prevista a inauguração de uma nova unidade de produção em 2020. “Hoje, transportar líquido é muito caro. Produzir em Uberlândia e mandar carretas para o Distrito Federal e Goiânia não se torna vantajoso. O Governo de Goiás propôs um apoio e decidimos montar uma segunda fábrica em Aparecida de Goiânia”, afirmou Ribeiro.

Segundo os representantes da empresa mineira, as expectativas com a criação da segunda fábrica são altas e abrem espaço para um melhor funcionamento do mercado na região Centro-Oeste. Até 2022, é esperado que a área de cobertura da empresa aumente de 200 para 246 cidades, espalhados por 60 mil pontos de venda. Atualmente, são 45 mil.

“A princípio, vamos fazer uma fábrica enxuta e manter a produção no que nosso mercado já vende. Temos muita firmeza e pé no chão para construir essa unidade e assim, tentaremos trabalhar melhor nosso mercado no centro do país”, afirmou o diretor jurídico Ítalo da Silva.

Outro aumento previsto com a expansão é em relação ao número de colaboradores. O quadro de pessoal conta com mil colaboradores diretos e 120 terceirizados. A previsão é de que chegue a 1,5 mil e 180 terceirizados.

Os representantes da Refrigerantes do Triângulo estarão presentes na SuperAgos 2019, o maior evento para supermercados e panificadoras do Centro-Oeste, que será realizada em Goiânia (GO) entre os dias 23 e 25 setembro. No evento, será apresentada a nova fábrica para os varejistas.