Brasília

-

Hoje

29ºC

19ºC

Amanhã

27ºC

19ºC

IBOVESPA | 0,29% (110.622,27 pontos)

Preço dos produtos da indústria de alimentação cresce 2,12% em outubro

Pesquisa do IBGE aponta aumento no setor extrativo e de transformação de 3,65% no ano

Por Agência Brasil| 29/11/2019

Tamanho da Fonte

A- A+

Os preços dos produtos das indústrias extrativas e de transformação aumentaram 0,64% em outubro na comparação com setembro. É o terceiro mês consecutivo com variação positiva, segundo o Índice de Preços ao Produtor (IPP), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O crescimento acumulado no ano é de 3,65%.

No IPP é medida a evolução dos preços de produtos na porta da fábrica, sem impostos e fretes. O levantamento é feito com a indústria extrativa e com 23 setores da indústria de transformação. Em outubro, 15 de 24 setores apresentaram variações positivas de preços. Em setembro, 17 haviam registrado alta de preços.

Os maiores aumentos em outubro ocorreram no refino de petróleo e produtos de álcool, de 4,04%, e na indústria de alimentos, 2,12%. As maiores quedas foram registradas nas indústrias extrativas, de 4,76%, e de papel e celulose, 1,89%.

No acumulado dos últimos 12 meses, a variação de preços foi de 0,37%. As quatro maiores variações nesse período ocorreram em outros produtos químicos, queda de 11,99%; papel e celulose queda de 11,37%; farmacêutica, alta de 11,02%, e outros equipamentos de transporte, alta de 9,08%